Quais os sintomas de Artrite Reumatóide?

O que é a Atrite Reumatóide?


A Artrite Reumatóide (AR) é uma doença crónica, inflamatória, auto-imune que se caracteriza pela inflamação das articulações e que pode conduzir à destruição do tecido articular e periarticular. Existe também uma ampla variedade de alterações extra-articulares.
É uma doença crónica que não tem cura mas, se eficazmente tratada, tem bom prognóstico.
os últimos anos, houve uma melhoria substancial no tratamento desta doença. Por um lado, verificou-se uma melhoria nas estratégias de tratamento com uso mais eficaz dos medicamentos modificadores de doença já existentes, e por outro surgiram novos medicamentos.
É uma doença com alguma expressão. Em Portugal estima-se que afete 0,8 a 1,5% da população. A ocorrência global é duas a quatro vezes maior em mulheres do que em homens. O pico de incidência nas mulheres é após a menopausa, mas pessoas de todas as idades podem desenvolver a doença, incluindo adolescentes.
 

Quais as principais queixas?
 

Os doentes com AR frequentemente sentem dor e dificuldade em mobilizar as articulações, mas os sintomas podem ser muito variados. A supressão da inflamação nos estágios iniciais da doença, ou seja o tratamento precoce, pode resultar em melhoria substancial do prognóstico a longo prazo.
 

O que causa a Artrite Reumatóide?


Sendo uma doença auto-imune significa que o sistema imunitário do doente não está a funcionar adequadamente, regindo contra os seus próprios tecidos.
A causa dessa desregulação do sistema imunitário é desconhecida, no entanto, investigações estão a ser feitas nesta área e já foram descobertos alguns factores de riscos, como por exemplo o tabagismo. Estudos científicos sugerem ainda que a doença seja causada pela interação de factores de risco com a existência de predisposição genética.
A inflamação articular é assim desencadeada pela presença de moléculas (citocinas) que interagem com alguns glóbulos brancos causando uma reação inflamatória local e sistémica (em todo o organismo). Este processo traduz-se em edema (inchaço), dor, e, por vezes, rubor (vermelhidão) e aumento da temperatura nas articulações afetadas, gerando incapacidade para as mover correctamente.

pés com os dedos deformados por artrite rematoide
 

Quais os sintomas de Atrite Reumatóide?


A presença de artrite (inflamação nas articulações) é uma característica fundamental da doença. A inflamação articular causa alterações características: edema, dor das articulações e, por vezes, rubor e calor. Causa também rigidez, uma sensação de prisão dos movimentos, especialmente no início da manhã ou depois de períodos de repouso.
Frequentemente, a doença começa como uma inflamação de mais de 4 articulações inchadas e dolorosas, nos dois lados do corpo. Qualquer articulação com membrana sinovial (membrana que reveste algumas articulações e que produz um líquido que lubrifica, nutre e facilita os movimentos articulares) pode ser atingida, mas geralmente afeta primeiro as pequenas articulações das mãos e dos pés. À medida que a doença progride, mais articulações podem inflamar, incluindo ombros, cotovelos, ancas e joelhos.
Outra articulação que pode estar envolvida é a primeira articulação cervical, entre a primeira e segunda vértebras cervicais, resultando em instabilidade da coluna cervical.
Para além dos sintomas articulares, os sintomas constitucionais (por exemplo, o cansaço, sintomas de gripe, febre, suores e perda de peso) são comuns.
Se não for tratada, a inflamação conduz à destruição progressiva das articulações e sua perda de função. Podem surgir nesta altura deformidades articulares, algumas muito características nas mãos. Ao dano articular, pode adicionar-se perda de massa muscular por atrofia, podendo levar de forma progressiva a dificuldades motoras.
Os tendões estão envolvidos por bainhas e estas são também constituídas por membranas sinoviais, podendo ficar inflamadas, tal como as articulações.
Esta doença pode afetar muitos órgãos e há outras manifestações da doença, a nível dos olhos, pele, sistema nervoso, sistema respiratório, sistema cardiovascular, sistema renal e fígado, por exemplo. 
 

Como prevenir a Atrite Reumatóide?


Não se sabe como prevenir a AR. O surgimento desta doença resulta de uma interação complexa de múltiplos fatores genéticos, imunológicos e ambientais, cuja influência exata na origem da doença ainda está por determinar.
Sabe-se que o tabagismo aumenta o risco de desenvolver a doença em indivíduos com suscetibilidade genética. Outros fatores de risco estão ainda em estudo.